Ao mal tempo, boa cara!⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Este foi um ano difícil para a mineração e nesses tempos de incertezas, a MOPE resolveu pôr o pé na estrada rumo a um “retiro espiritual”, na cidade de Dom Silvério (MG), com muita música, prosa e comes e bebes!

Reunir com a família e amigos é uma arte, é dela que tiramos os bons significados para a vida. Debaixo da jabuticabeira a tarde passou rasteira, até que a noite se fez ligeira. Na música fundimos o barroco com o popular, passeando até tempos idos da Bossa Nova. Ao final de três dias, fomos de Bach a Jobim e pena que toda alegria tem fim. Teve bão!

Este foi um ensaio para aquele sonhado projeto Mining Music, do qual dispenderemos esforços para que no próximo ano o coloquemos em prática. Um happy hour mensal que nos traga de volta os papos com os colegas, os reencontros e o lado humano da mineração, este que ainda teima em querer fazer o melhor pelo Brasil.

Do lado de cá, temos feito bons trabalhos no Chile, levando a experiência brasileira da mineração de ferro para as terras andinas. A MOPE vem avançando na implementação de técnicas de Concentração Seletiva, apostando sempre no bom senso para gerar riquezas no beneficiamento mineral. Boas notícias estão a caminho!

Com a alma revigorada, chegamos ao fim de mais um ano com ótimas perspectivas. 2020 será o ano da virada, onde a excelência operacional deverá conduzir o setor por caminhos mais nobres. O resultado de nossas ações é reflexo dos objetivos que perseguimos. Portanto, que nossas metas sejam na direção da ética, respeito e assumindo os “riscos” da mudança com responsabilidade.

Evandro Evangelista